Alberobello: a cidade dos Trulli no sul da Itália

Já ouviu falar da região da Puglia ou Apúlia na Itália?

Se já ouviu certamente também já escutou sobre os trulli de Alberobello!

As casinhas brancas, em forma cônica são um ícone dessa região. E digo mais, ali é único lugar em que eles já existiram. Durante meu intercâmbio em Malta eu procurei lugares para viajar por perto durante o final de semana no descanso das aulas, assim como já tinha feito quando visitei Veneza, então vi uma foto desse lugar no instagram e fiquei tão intrigada que decidi ir lá conhecer!

Então tratei de comprar minha passagem para Bari, a capital da Puglia, que é a cidade base para conhecer Alberobello e lá fui eu sozinha!

Mas afinal o que são os trulli?

Os trulli são construções de tradição milenar, utilizando técnica pré-histórica de paredes sem argamassa, madeira ou qualquer outro tipo de apoio, apenas pedras, tudo bem simples e primitivo. O detalhe fica por conta dos telhados em forma de pirâmides feitos de laje de calcário.

O nome trulli veio do latim turris, que simplesmente significa: cúpula.

E como se iniciou a construção dos Trullis?

Lá no século XIV a família que dominava a região no sistema feudal, decidiu não construir moradias permanentes para seus camponeses, tudo isso para fugir dos altos impostos cobrados pelo reinado da época. Então as terras sem assentamentos permanentes, pagavam impostos mais baixos.

Assim Alberobello ficava classificada como uma área desabitada. Mas então onde entram as construções? Bem, os camponeses precisavam ter abrigo, então eles precisavam construir suas casas e moradias sem argamassa, de modo que, no caso de uma inspeção real, as estruturas pudessem ser desmontadas de forma rápida. Que família sacana, não??!!

Com o tempo isso mudou e menos trulli eram construídos por não serem necessários conforme as terras passavam ser regularizadas, mas alguns deles ficaram como herança se tornando uma atração turística bem interessante!!

Dica de hospedagem em Bari? Eu fiquei no Hi Hotel Bari e amei todo o conforto e modernidade do hotel! Leia aqui sobre o Hi Hotel Bari e conheça melhor o local.

Já em nosso século, Alberobello foi considerada uma das áreas urbanas históricas mais bem preservadas da Europa e isso fez com que a cidade ganhasse da Unesco um título de Patrimônio da Humanidade.

Hoje a maioria dos moradores de Alberobello não moram nos trulli e muitos deles foram restaurados e transformados em lojas de souvenirs, restaurantes e acomodações para os visitantes, tudo voltado para o turismo.

E o que significam os símbolos pintados?

Não dá para negar que os símbolos pintados na frente dos telhados dos trulli são bem misteriosos… Entretanto na verdade eles não têm um padrão fechado, uns são de origem pagã, outros cristãos, devido à população ter sido formada por diferentes origens e possuem diferentes significados ligados à proteção para a família contra mau olhado, para atrair boas vibrações e boa sorte nos negócios, etc.

Então o que fazer em Alberobello?

O melhor plano é não ter plano! Exatamente isso! Eu fui visitar a cidade sem nada definido, e acredito que assim que tem que ser no caso de Alberobello! Até porque você não vai encontrar super atrações.
Alberobello é uma cidade pequena, com ruas estreitas, cheia de ladeiras, bem fotogênicas e com um clima de lugar que parou no tempo…

Já tem seguro de viagem? Não esqueça que é obrigatório na Europa! Use o cupom QUERO25OFF e garanta 25% de desconto com a Mondial!

A cidade é dividida duas partes: a parte residencial e mais “moderna” chamada de rione Aia Piccola. Por essa parte existem menos trulli e casas comuns. Do alto do morro desse lado da cidade você terá uma bela visão da parte onde estão a maior parte dos trulli.

A outra parte é chamada de rione Monti onde fica o turismo da cidade e onde se encontram aproximadamente 1000 trulli! Nesse lado da cidade, muitos trulli viraram lojas de artesanato e restaurantes. Em algumas lojas você encontrará a oferta de comprar algo e ter direito de visitar o terraço para ter uma boa vista! Eu fiz isso, vale a pena!

Terraço de uma lojinha de pasta italiana

Anotem dicas de lugares para se visitar em rione Monti:

Chiesa di Sant’Antonio – A igrejinha, em frente a praça da cidade, foi construída em 1927 num estilo único!
Trulli Siameses – Sua forma é única, onde dois trulli são unidos pela parte superior, eles ficam na Via Monte Nero com Via Monte Pasubio.

Chiesa di Sant’Antonio

Trullo Sovrano – O local onde hoje existe um pequeno museu mostra um resumo de como era a vida das pessoas de Alberobello em tempos passados, com mobílias, utensílios, fotos, etc. A entrada custa €1,50. O museu está aberto das 10h às 13h30min e das 15h30min às 19h e fica na Piazza Sacramento.

Fonte: it.wikipedia.org

Casa d’amore – Foi a primeira casa a utilizar cal em sua construção por voltar de 1797, época quando Alberobello foi reconhecida como Cidade Real pelo rei de Nápoles. A Casa d’Amore é conhecida por balancear a arquitetura dos trulli e as casas “modernas” da cidade.

Onde ficar em Alberobello?

Eu fiz um bate volta de Bari para lá, porém caso você decida passar uma noite na cidade ou até mesmo usar Alberobello como base para visitar outras cidades da Púglia, anotem as dicas de hospedagem na cidade.

Trullieu Guesthouse: oferece uma das oportunidades mais acessíveis para quem deseja se hospedar em um trullo. A decoração é uma graça e a localização é tranquila, mas perto da área turística.

Média de 200 reais a diária para casal! Clique aqui para reservar!

Trulli e Puglia Resort: Belas construções tradicionais de pedra típicas da cidade, onde as casas foram restauradas e possuem uma cozinha compacta ideal para viagem em família.

Média de 350 reais a diária para casal! Clique aqui para reservar!

Miratrulli Suites: Apartamento bem localizado, perto de todas as comodidades da cidade e da estação de trem. O Trullo é muito bem decorado e peças antigas, antigas fotografias de família torna muito charmoso.

Média de 330 reais a diária para casal! Clique aqui para reservar!

Como chegar ao Alberobello?

O aeroporto mais próximo fica em Bari, então a cidade acaba sendo a principal base para visitar Alberobello. A distancia entre as cidades é pouca, são 49 km e pela estrada são 56.5 km.

Ônibus: operados pela empresa Marozzi VT, partem da estação Bari todos os dias. A viagem leva em torno de 1 hora e custa entre R$ 35 – R$ 45.

Trem: esse foi o meio que utilizei e achei bem tranquilo. Operados pela Ferrovie del Sud Est e Servizi Automobilistici, partem da estação Bari Centro a cada 2 horas. Você pode comprar o bilhete on-line pelo site ou aplicativo GoEuro, onde também é possível checar a rota, o custo e o tempo exato de viagem. A viagem dura aproximadamente 1h 41 min e custa entre R$ 17 – R$ 24.

A estação de trem de Alberobello fica a 10 minutos a pé da área turística. Visite o site para conferir:  https://www.goeuro.com/travel/alberobello

Carro: quem está pensando em visitar outras cidades na Apúlia, no sul da Itália, vale a pena alugar um carro! Saindo de Bari siga as placas em direção a Brindisi. Pegue a saída para Alberobello. A viagem dura em torno de 1h e você vai encontrar dois estacionamentos pagos perto de Rione Monti, basta seguir as placas quando entrar em Alberobello.

Espero que tenham gostado!! E para mais artigos sobre a Itália leia aqui! 😉

 

↠ Planeje sua viagem com o Mochila, Câmera e Ação ↞

↠ Precisando de ajuda para programar seu intercâmbio sem contratar agência? Eu posso te ajudar!
↠ Já tem seguro de viagem? Cote seu seguro com a Mondial e aproveite as promoções especiais!
↠ Reserve sua estadia pelo Booking através do Blog, você não paga nada além por isso! ✌
↠ Passagens aéreas em até 12x sem juros com a ViajaNet
↠ Roteiros personalizados?? Pergunte-me como.

2 Comentários

  1. Oi Alessandra! Essa cidade é mesmo uma graça né? Eu a visitei em julho/17, enquanto conhecia a região da Puglia. Eu fiz base em Monopoli, uma cidade um pouquinho maior, com mais opções de hospedagem e restaurantes. Valeu muito a pena!

    1. Author

      É muito bonitinha mesmo!! Queria ter conhecido melhor a Puglia.
      Você conheceu a Sicília?? Outra região maravilhosa!!
      Obrigada pelo seu comentário! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.